segunda-feira, 26 de abril de 2010

Uma Canção Bíblica e Atual! Glória a Deus!

Hoje, ouvindo uma canção evangélica que tem por nome “Ouve, oh Deus (Salmo 61)”, quedei-me a abrir o coração para o que ouvia. Afinal, tem se tornado cada vez mais difícil encontrar canções atuais que tenham base bíblica...
Suave e delicada, a música tem incríveis 3’09”. Por que “incríveis”? Ora, as ditas “Músicas gospel” de hoje têm menos de 4’30”. No geral, são repetitivas as frases; lembram os mantras das religiões orientais. É de se surpreender, não é? Sim, pois se Jesus nos orienta de forma diferente: “... orando, não useis de vãs repetições, como os gentios, que pensam que por muito falarem serão ouvidos” (Mateus 6: 7).
O referido louvor é do Ministério Trazendo a Arca e é cantado por Verônica Sacer.
Disponível no link: http://www.youtube.com/watch?v=l2x_duizwNI

Ouve oh Deus, a minha oração e atende o meu clamor
Quando me desfalece o coração, leva-me, Senhor
À Rocha que é bem mais alta que eu
Pois Tu, somente, és meu refúgio e a minha torre forte, oh Senhor.

Descansarei à sombra de Tuas asas e habitarei
Em Tua presença para sempre; este é o desejo meu.
Ouvistes meus votos e me destes a Tua herança
E assim, eu cantarei louvores ao Teu nome, sempre.


Vi aqui extrema beleza, não na voz da irmã Verônica, nem na técnica da música ou no back-vocal. Aqui é mostrada a beleza da Palavra de Deus. Como disse o salmista: “Oh! quanto amo a tua lei! É a minha meditação em todo o dia” (Salmo 119: 97).

Eu “tiro o chapéu” para os compositores do hino (esse, eu chamo de hino), que deram ouvidos à voz do Espírito Santo para escrever estritamente dentro da Bíblia Sagrada, coisa tão rara em nossos dias e em nossas igrejas.

Enfim, o verdadeiro adorador (ou servo) é o que adora (ou serve) em espírito e em verdade (João 4: 23-24).
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...